Qualquer Coisa Contrária à Natureza

Martinha Maia

Desenho

CAOS | Casa d’Artes e Ofícios, Viseu
16 de março de 2019 a 13 de maio 2019


“A Martinha nasce em 1976 em São Mamede do Coronado, aos 18 anos muda-se para as Caldas da Rainha para estudar Artes Plásticas na ESAD. Esta escola, nestes anos em particular, incutiu um verdadeiro exercício de liberdade de experimentação, formando práticas artísticas com uma forte incidência na fusão das fronteiras entre disciplinas, na mediação entre os limiares público/privado e fomentando o trabalho em comunidade. Eixos que desde então centralizam a pesquisa e produção artística de Martinha Maia.[…]”

Extractos do texto de Maria do Mar Fazenda , «De sensu et sensato» e sobre «NEGRO» de Martinha Maia, Outubro 2012.

Sobre a Exposição “Qualquer Coisa Contrária à Natureza”:
“São exercícios sobre camadas opacas que se deixam revelar pela intensidade das pancadas do instrumento furador. Existe claramente uma violência associada no acto de furar o papel, que passa despercebido pela camuflagem do desenho.”

Martinha Maia

+info: martinhamaia.com



Escrever um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *